X

Vem comigo!

Primeiro eu quero agradecer todo mundo que gastou um tempinho lendo o meu primeiro report – foi a primeira vez que fiz isso – e sinceramente fiquei surpreso com o feedback, o que escrevi virou até matéria no Overwatchers. Quem diria heim!

Agora vamos aos destaques! Tivemos algumas boas jogadas, teve jogador jogando como se fosse a final da Copa do Mundo, mas a maioria foi diversão, meme e pick aleatório, afinal de contas essa pré-temporada é pra showmatch e testes.

Teve Brasil? Como assim? Tem time brasileiro? Teve Brasil sim, não tem time, mas tem o garoto João Pedro “Hydration” Veloso de Goes Telles, DPS da Los Angeles Gladiators, que logo no inicio mostrou que sabe jogar de tank e dominou com o RoadHog. Junto com os destaques: Surefour (DPS), Asher (DPS) e Shaz (Suporte) – um monstro de Zenny – eles atropelaram em Junkertown surpreendendo a toda poderosa, favorita e cheia de talento London Spitfire. Com jogadores que tiveram bons resultados na APEX e APAC, a Spitfire tem tanto jogador bom que vai ser difícil saber quem por pra jogar. Eu particularmente gostei da Mei do Rascal e a Mercy do Nus, porque como diriam na minha terrinha, “nuss que Mercy”.

Os times apresentaram 5 boas partidas, muito emocionantes, e para minha surpresa os Gladiators sairam vencedores. Ahhh no último mapa, Torre Lijiang, o Hydration deu show de Pharah junto com o Junkrat do Surefour!

Dallas Fuel x Houston Outlaws , O melhor jogo da noite!

Dallas tem verdadeiros monstros do OW, tanto em habilidade quanto em popularidade. Taimou, Effect, Seagull, Custa, XQC e outros formam uma equipe que agitou o campeonato e fez o coraçãozinho da galera bater mais forte. Já a Outlaws se mostrou poderosa, principalmente seu trio de suportes Rawkus, Bani e Boink que seguraram seu time vivo tempo suficiente para que Linkzr pudesse trabalhar bem principalmente com sua Pharah.

Foram jogos bem equilibrados, partidas emocionantes, com muitos Junks, Genjis, Tracers e até a Sombra apareceu! No fim a Dallas venceu por 3 a 2 com o Effect de Zarya.

New York Excelsior vs. Boston Uprising

Se você ver o Pine da Excelsior por aí, na boa, corre, mas corre muito! A Excelsior traz um esquadrão coreano que simplesmente não seu chances para a Uprising. Saebyeolbe fez uma bela dupla de dano com Pine e atropelaram a Uprising. Acho que esses caras não sabem brincar, pow, showmatch man, a Uprising tava curtindo, de boas e os caras na fúria.

Mas tudo bem, foram bons jogos e a Excelsior venceu por 3 x 1 a Uprising.


Esse foi o segundo dia, menos nervosismo, mais sorrisos e espero que estejam guardando habilidades e estratégias para a fase de grupos, porque eu quero mais dos players, o show dentro do jogo pode melhorar!

E aí, conhece o Mano?

Compartilhe este post!
Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on Tumblr0Email this to someonePin on Pinterest0