X

Bem vindo a mais um Guia Básico do Competitivo! Nessa série abordamos cada aspecto do Overwatch do ponto de vista competitivo, para você que quer começar a se aventurar nas partidas ranqueadas ou até mesmo melhorar seu desempenho. Lembramos sempre que os guias são baseados em experiências e análises pessoais e não tem a intenção de ditar uma regra para qualquer jogador ou equipe.

Última Atualização: 20/04/2017 | Guia por Nyuu

Como vimos no Guia Básico #1 existem 4 funções dentro do Overwatch e qual/quais funções você irá seguir depende muito do seu estilo de jogo. A questão é que para uma composição funcionar bem no competitivo, algumas questões devem ser consideradas, levando em conta aspectos que vão desde habilidade pessoal do jogador com determinados heróis até meta e sinergia.

Estruturas básicas

Desde o lançamento do Overwatch vimos muita coisa mudar, principalmente no que diz respeito a composições no competitivo, partimos de composições básicas com 2 heróis em cada função até estruturas dependentes de heróis específicos para seu funcionamento. Nesse tópico tentaremos abordar de maneira simples algumas das composições mais comuns no Competitivo.

2/2/2 – Não dá pra falar do básico sem citar esse tipo de composição. O padrão 2/2/2 aposta no básico e é uma escolha bastante comum em todos níveis de habilidade principalmente por ser uma opção bastante balanceada e funcional em qualquer situação. O funcionamento é simples, utilizando 2 tanques, 2 suportes e 2 dps, essa é a porta de entrada para estruturas mais elaboradas e um maior foco em organização.

3/3 – Destaque na temporada 2, a estrutura 3/3 geralmente é utilizada no ataque e é baseada na sobrevivência, a ideia é avançar uniformemente enquanto os Tanks agem para manter vivos uns aos outros enquanto os 3 suportes garantem a cura constante. Já falamos de maneira mais aprofundada sobre esse tipo de estrutura aqui, vale a pena conferir!

3/2/1 – O “triple tank” definitivamente dominou as temporadas 2 e 3, sendo que a composição 3/2/1 surgiu pela necessidade de bater de frente com as composições 3/3. Ela consiste em utilizar um DPS para o “harassment” (originalmente a escolha principal era a Tracer), com foco em atrapalhar e eliminar os suportes da equipe adversária. Posteriormente passamos a ver essa mesma estrutura funcionando com outros DPS (Soldier e Pharah) mas isso tudo pode variar de acordo com buffs e nerfs que afetam diretamente a viabilidade de alguns heróis.

Sinergia

Agora que você conhece algumas bases para composições, vale a pena falar um pouco sobre a sinergia entre heróis e como isso pode beneficiar sua equipe na hora de escolher uma composição.

Combos de Ultimates

Como você deve imaginar, um aspecto importante ao se tratar de sinergia são os combos de habilidades, não é novidade para ninguém que algumas Ultimates bem utilizadas podem salvar sua equipe da desgraça eminente ou até mesmo virar o rumo de uma partida. Agora imagine que existe uma maneira de maximizar a eficiência de algumas dessas Ultimates, torná-las mais efetivas e até mesmo diminuir a chance de gastá-las “à toa”. É aí que os combos entram.

Zarya Não dá pra falar de combo de Ultimates sem falar da Zarya. A Russa é o exemplo perfeito, podendo maximizar o potencial de “wipe” de diversas ultimates ofensivas quando utilizada corretamente. Alguns bons exemplos de Ultimates que são beneficiadas pelo Surto de Grávitons da Zarya são: Pharah, D.Va, Junkrat, Reaper, Tracer, Genji e Hanzo.

AnaOutro exemplo poderoso quando falamos de combos é a Ana, seu Estimulante aumenta significativamente a eficiência de diversas ultimates ofensivas, maximizando o dado e o potencial de sobrevivência do seu aliado. Alguns bons exemplos de Ultimates e heróis que são beneficiados pelo Estimulante da Ana são: Soldier, McCree, Reaper, Genji, Reinhardt, Roadhog e Bastion.

ReinhardtReinhardt também se destaca entre os heróis com maior potencial de combo. Assim como a Ultimate da Zarya, seu Abalo Terrestre é uma “Ultimate de controle”, que facilita a entrada de algumas ultimates ofensivas quando é bem utilizado. Alguns bons exemplos de Ultimates que são beneficiadas pelo Abalo Terrestre do Reinhardt são: Soldier, McCree, Pharah, D.Va e Reaper.

Sinergia entre heróis

Indo um pouco além, vale lembrar que as Ultimates não são , alguns heróis funcionam muito melhor quando acompanhados por heróis específicos, esse aspecto é baseado principalmente em sobrevivência e aumento no potencial de dano.

Mercy + Pharah/Soldier: 76/McCree
“Pocket Mercys” são bastante comuns no competitivo, o conceito é simples e benéfico para a equipe, mantendo foco da cura e buff da Mercy em um herói ofensivo, garantindo maior facilidade nos abates e maior potencial de sobrevivência para o DPS.

É comum ver esse tipo de “combo” funcionar com diversos heróis ofensivos e até defensivos como Hanzo e Widowmaker, mas vale dar destaque para o combo Pharah+Mercy que quando bem utilizado (e não counterado) pode trazer grandes dificuldades para os adversários.

Zenyatta + Genji / Tracer / Reaper
Flankers de maneira geral focam em atrapalhar a equipe adversária e eliminar um a um seus inimigos (começando pelos suportes), esse tipo de estratégia pode ser extremamente eficiente e difícil de se “counterar” a questão é que o flanker precisa de uma maneira de se manter vivo e é aí que o Zenyatta entra!

A cura do Zenyatta não exige precisão nem proximidade para ser eficiente, sendo essas as principais dificuldades na hora de manter flankers vivos. Além disso, uma boa comunicação entre ambos os jogadores pode facilitar os abates do flanker com a ajuda dos Orbes da Discórdia.

Genji spamando “I need healing”? Nunca mais! 😛

Ana + ReinhardtRoadhogWinston / Orisa / D.Va
Uma das maiores dificuldades para alguns suportes, principalmente em composições com muitos tanks, é manter todos curados, tendo em vista que tanks são alvos fáceis e com grandes quantidades de pontos de vida. A Ana é a escolha certa para suprir essa grande demanda de cura.

A questão é que a Ana tem o maior burst de cura do Overwatch (não considerando Ultimates) e pode manter os tanks de sua equipe vivos com facilidade, além disso, a demanda de cura pode funcionar de maneira estratégia para sua equipe, tendo em vista que com ela a Ultimate da Ana ficará “pronta” com maior velocidade (e todos nós sabemos do potencial dessa ultimate).

Bastion + Mercy + Reinhardt
Tratando-se de uma estratégia mais específica do que as citadas acima, esse é o tipo de combo que exige que sua equipe jogue “em função” dele. O potencial destrutivo do Bastion não é novidade para ninguém, sendo assim, seu foco aqui será conseguir fazer o maior estrago possível enquanto é curado e buffado pela Mercy e ambos são protegidos pelo escudo do Reinhardt.

Claro que como a maioria das estratégias, existe aqui um ponto fraco: a movimentação, por isso vale ressaltar mais uma vez que esse tipo de estratégia é muito específica. Use com sabedoria.

Montando sua composição

Levando em consideração os principais aspectos citados aqui, tenho certeza de que você já tem uma boa noção do que se preocupar na hora de montar a composição de sua equipe.

A propósito, vale a pena conhecer o Hero Picker, nele você consegue testar algumas composições e até mesmo saber que herói se encaixa bem na composição escolhida por sua equipe e até mesmo o que utilizar contra os heróis utilizados por seu adversário em cada mapa!

Conhecer os pontos fortes e fracos de cada herói e conhecer os heróis que funcionam bem em conjunto com certeza irá facilitar sua evolução no competitivo. Se você procura conhecer mais sobre as mecânicas individuais de cada herói, confira nossos Guias de Heróis.

Por hoje é só, esperamos que essas informações possam te ajudar a entender melhor o funcionamento das composições e combos. Lembrando mais uma vez que um guia não é uma regra e nem sempre o que dá certo pra você irá funcionar para todos, mas como sempre toda sugestão será bem vinda.

Qual assunto você quer ver no próximo post? Não deixe de comentar e deixar sua sugestão para nós!

Até a próxima!

Compartilhe este post!
Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on Tumblr0Email this to someonePin on Pinterest0